Sem categoria

Governador recebe demandas de povos indígenas em reunião no Palácio Anchieta

O encontro teve como objetivo debater as políticas públicas voltadas aos indígenas capixabas.

Na véspera do Dia do Índio, o governador do Estado, Renato Casagrande, recebeu, nesta quinta-feira (18), os representantes de oito das 12 tribos tupiniquins e guaranis do Estado, no Palácio Anchieta, em Vitória. O encontro teve como objetivo debater as políticas públicas voltadas aos indígenas capixabas. As tribos que estiveram presentes foram: Irajá, Nova Esperança, Boa Esperança, Pau Brasil, Caieiras Velha, Amarelos, Três Palmeiras e Areal.

Durante a reunião, Casagrande recebeu um documento com solicitações das tribos, que vão ser analisadas por uma força-tarefa criada com este objetivo. “O Governo do Estado, como um todo, está à disposição de vocês. Sabemos o que vem acontecendo com os indígenas a nível nacional e podem contar integralmente com meu apoio político nas suas lutas. Recebo esse documento com muita atenção e estou colocando a Secretaria de Direitos Humanos [Sedh] para coordenar essa interlocução para debater essas demandas que são legítimas”, afirmou.

O governador anunciou que a secretária de Estado de Direitos Humanos, Nara Borgo, vai agendar reuniões com os demais secretários para tratar das demandas específicas. A subsecretária da pasta, Raiana Rangel, que representou a titular da Sedh no encontro, ressaltou a importância desta agenda.

“Agradeço ao governador Renato Casagrande por este momento tão significativo para os povos originários do Espírito Santo, o que reforça o papel do Estado na escuta das diversas populações. Registro ainda, que a Secretaria de Direitos Humanos mantém um diálogo constante com a população indígena, por meio da Gerência de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, articulando para a implementação das políticas públicas necessárias”, enfatizou.

Um dos representantes dos índios na reunião, Paulo Tupiniquim, comemorou a atenção do governador e o encaminhamento das solicitações:

“Agradeço pela oportunidade de estarmos aqui. Estamos próximos ao Dia do Índio, mas não comemoramos; nós aproveitamos a data para destacar a nossa luta e a nossa resistência. O preconceito e o racismo que temos visto no Brasil vão contra a população indígena, e conhecendo a postura do governador Renato Casagrande, também consideramos o senhor como um militante dos direitos humanos. Aproveitamos que estamos aqui para pedir um olhar voltado à população indígena, como cidadãos do Espírito Santo, e que ajude para implementar políticas públicas para o nosso povo. Para isso, trouxemos este documento em mãos no qual elencamos algumas propostas”.

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close