Destaque

Medidas preventivas podem garantir segurança durante colheita do café

Outra recomendação é que o produtor procure o Sindicato para que os dados do trabalhador sejam lançados no sistema.

O Estado do Espírito Santo é o segundo maior produtor de café do Brasil com cerca de 25% da produção nacional. No cultivo da variedade conilon, o estado produz 75% da safra total do país e a região norte capixaba se destaca concentrando grande parte desta produção com tecnologias avançadas no processo produtivo. O momento atual é de expectativa para mais uma colheita que tem início no mês de abril e, neste período, além das preocupações com a lavoura, a segurança da propriedade é um fator que o segmento precisa ficar atento.

A época de colher os grãos, que vai até junho, resulta na vinda de muitos trabalhadores rurais de outras regiões do país na busca pelo emprego temporário. Essa migração, nos últimos anos, tem resultado em transtornos para os produtores e famílias do campo já que alguns bandidos se infiltram neste grupo. Esse tema foi o assunto principal de uma reunião realizada no início do mês entre a Polícia Militar e o Sindicato Rural de Linhares para discutir ações que possam evitar assaltos e violência no campo.

De acordo com Antonio Robert Bourguignon, diretor do Sindicato Rural de Linhares, a entidade orienta que o produtor contrate trabalhadores somente com posse dos documentos e verifique a situação de antecedentes criminais do cidadão. “É uma questão básica o empregador solicitar a documentação. E essa ação já inibe o bandido de procurar emprego naquela propriedade”, destaca Roberte.

Outra recomendação é que o produtor procure o Sindicato para que os dados do trabalhador sejam lançados no sistema que, em parceria com as Polícias Militar e Civil, verifica se existe algum problema com a justiça. “Seguindo essas orientações, teremos uma colheita com segurança e com bons resultados para nosso setor rural e toda economia”, afirma Antonio Roberte.

Segundo a Polícia Militar, haverá intensificação de patrulhas no interior de Linhares durante o período da colheita do café. Em caso de dúvidas sobre a documentação necessária para registro, o agricultor pode entrar em contato com o Sindicato Rural de Linhares.

Dicas para segurança durante colheita do café

Solicitar documentos dos trabalhadores que serão contratados para a ‘panha’ do café
Com posse das informações, verificar os antecedentes destes trabalhadores no sistema das Polícias Civil e Militar
Não fazer pagamentos com dinheiro em espécie e quando fizer alternar dias e horários durante a semana
Evitar movimentar alto volume de dinheiro e evitar comentários sobre pagamentos e valores
Sempre realizar pagamentos acompanhados de pessoas de confiança.

(Fonte AzulinhoNews)

COMPARTILHAR
Mostre mais

Artigos relacionados

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar? Powered by QuadLayers
Close

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios